APP: PicsArt

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

O PicsArt é um aplicativo de edição de fotos e desenho. Nas partes de Efeitos e Editar, é possível aplicar filtros (vintage, envelhecido, marca d’água etc.), adicionar bordas, molduras, máscaras, textos, adesivos, recortas, girar, ajustar a cor, a perspectiva, clonar, dentre várias outras coisas. Em Colagem, o aplicativo disponibiliza diversos backgrounds, modelos personalizáveis, ou quadros de colagem.

Em Câmera, ela abre a câmera do seu smartphone e já disponibiliza diversos filtros para você aplicar antes de bater a foto, se você quiser. Por fim, em Desenho, é possível criar desenhos digitais utilizando uma grande variedade de pincéis que estão disponíveis, escolher o fundo, colocar adesivos e formas geométricas.


Achei o aplicativo cheio de recursos e bem simples de usar. A grande variedade de ferramentas é o que chama a atenção, já que você pode fazer qualquer coisa nas suas fotos com esse aplicativo que é um dos mais conhecidos e usados atualmente.


Esse foi um dos primeiros aplicativos que eu descobri quando ganhei o meu primeiro celular com android, gostei tanto que uso até hoje e recomendo. Ele é um dos aplicativos mais completos que eu já vi.


Veja as fotos que eu fiz usando esse aplicativo e postei no Instagram AQUI, AQUI, AQUI e AQUI.

O aplicativo é gratuito, mas tem também recursos que você pode comprar e deixar suas fotos ainda mais bonitas e únicas. Ele está disponível para Android, para iOS e para Windowns Phone.

Espero que tenham gostado! Se quiserem, deixem nos comentários mais dicas de aplicativos que vocês usam e recomendam que eu vou adorar conhecer e quem sabe fazer um post sobre ele aqui no blog.

[RTVI] Videoclipe: Eles Não São Você

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

No segundo semestre de 2015, quando eu estava no 6º semestre da faculdade de Rádio, TV e Internet, o professor da aula de Videografismo e Arte Digital mandou que nossa turma fizesse, como trabalho daquela aula daquele semestre, um videoclipe. Estávamos livres para escolher a música do cantor/banda/grupo que quiséssemos, e o videoclipe teria a duração da música. Assim, eu me juntei com outros quatro amigos, e da nossa produtora Cineart Produções, nasceu o videoclipe “Eles Não São Você”.

Entramos em contato com a cantora Natascha Piva (Twitter | Instagram), de quem um dos integrantes do grupo é amigo. Para quem não sabe, ela fez parte do Girls, um grupo feminino de música pop formado em 2013 através do programa Fábrica de Estrelas, transmitido pelo Multishow. Ela topou nos ajudar e veio até a minha faculdade, ela gravou essa música que ela mesma escreveu no estúdio de rádio e autorizou que usássemos para criar o videoclipe.


Depois disso, entramos em contato novamente com a Taisa Pelosi e com um amigo dela, o Bruno Antenore, e eles toparam participar do videoclipe, interpretando um casal de namorados. A Taisa é irmã de uma das integrantes do nosso grupo e ela já tinha nos ajudado antes em outro trabalho, sendo a apresentadora do programa de TV Aqui Acontece.

Fiquem agora com o videoclipe Eles Não São Você:


Ficha técnica:
Música: Eles Não São Você
Cantora: Natascha Piva
Compositora: Natascha Piva

Direção: Tawane Pelosi
Fotografia e Edição: Eduardo da Silva
Assistentes de Direção: Renata Carvalho e Vitor Xavier
Produção: Beatriz Alves
Atores: Taisa Pelosi e Bruno Antenore
Arranjo: Natascha Piva
Ano: 2015


Para conhecer mais trabalhos da Cineart Produções, curta a fanpage, siga no instagram e se inscreva no canal.
Contato: cineartproducoes@gmail.com

Proposta inconveniente — Patricia Cabot

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016
Título original: An Improper Proposal
Autor: Patricia Cabot (Meg Cabot)
Editora: Galera Record
Gênero: Aventura, Histórico, Romance
Ano: 2014
Páginas: 350
ISBN: 9788501095015
Nota: 
Sinopse: Apaixonada pelo capitão Connor Drake, Payton sonha em ser capitã de seu próprio navio. Ela cresceu desejando essa profissão exclusivamente masculina, mas agora deve abdicar disso tudo para conseguir um bom marido. O problema é que Connor só percebe seus sentimentos por Payton na véspera de seu casamento com outra. Quando o barco dos noivos parte rumo às Bahamas, ele é atacado e resta a Payton se infiltrar num navio pirata para salvar a vida do seu amado. A coragem une os dois, e o resgate pode gerar mais frutos do que ela imaginou.


A história se passa na Inglaterra, no ano de 1830, na época dos navios e grandes embarcações, e vai contar a história de Payton Dixon, uma jovem de quase 19 anos que vive com seu pai Sir Henry e seus três irmãos mais velhos: Ross, Hudson e Raleigh. A família é dona da empresa Companhia de Navegação Dixon e Filhos; administrada pelo pai e pelos filhos homens, coisa que Payton acha muito injusta, já que ela sempre ajudou muito também no crescimento da empresa.

Payton nunca teve uma influência feminina porque sua mãe morreu quando ela nasceu, por isso nunca aprendeu a se comportar de fato como uma dama da sociedade. Ela cresceu no mar entre os irmãos e os marinheiros, por isso aprendeu a comandar tripulações e mais uma porção de palavrões que ela solta sempre que alguém a irrita, o que deixa Georgiana pasma.

Georgiana é a nova cunhada de Payton e a esposa de Ross, eles acabaram de se casar. Georgiana foi a primeira pessoa que começou a insistir que Payton deveria se comportar mais como uma dama, a fim de atrair um bom pretendente e se casar. Os irmãos concordam com isso, mas Payton não. A ideia de ser tratada como uma esposa frágil por algum homem e ser trancada dentro de casa a repugna, preferindo muito mais a vida em alto mar. Mas não é só porque Payton não quer se casar que ela não se apaixone.


Connor Drake é um capitão muito bom e extremamente respeitado, que aos 17 anos fugiu de casa e foi aceito para trabalhar na Companhia Dixon, sendo tratado quase como da família e crescendo junto com Payton e seus irmãos. Hoje com 30 anos pretende se casar com uma moça chamada Becky Whitby por motivos que só ele conhece. Mas que infelicidade a sua quando, na véspera do seu casamento, Georgiana obriga Payton a usar um espartilho e vestido para a sua festa de noivado, e pela primeira vez ele nota não só que Payton é uma mulher, mas também uma muito bonita por sinal, acabando por se sentir imediatamente atraído por ela.

Payton sofre muito na festa de noivado não só porque Drake está se casando com a odiosa e fresca Srta. Whitby, mas também porque seu pai presenteia Drake com o navio Constant, aquele que Payton queria há muitos anos e que tinha esperanças de ganhar quando fizesse 19 anos, tal como cada um dos seus irmãos ganhou quando atingiram essa idade.

Quando se veem sozinhos, a atração entre Payton e Drake é forte a tal ponto de se beijarem e se sentirem confusos com isso mais tarde. Payton tenta impedir o casamento, mas não porque tem ciúmes de Drake (como todo mundo pensa), mas sim porque viu a Srta. Whitby confraternizando com um inimigo. Após um escândalo desses, Drake e Becky embarcam no Constant para se casarem assim que desembarcarem nas Bahamas. Mas o que vai deixar Payton aflita mesmo é saber que o navio iria ser atacado por piratas, e temendo perder o Constant e Drake num único dia, ela embarca num navio com seus irmãos para socorrê-los. O que ela não esperava é acabar sozinha nessa com Drake num navio infestado de piratas, comandado por seu maior inimigo, o pirata La Fond.



Conheci esse livro num dia em que fui à Livraria Cultura e estava olhando a prateleira de livros de romances. Uma vendedora se aproximou e perguntou se eu estava procurando algum livro em especial, eu respondi que só estava procurando algum livro novo de romance para ler e conhecer, na mesma hora ela começou a me recomendar vários. Foi muito divertido conversar sobre vários daqueles livros, ela também era fã de livros de romances. Então ela me mostrou o Proposta inconveniente, o que me chamou a atenção não só pela capa lindíssima, mas também pela história que parecia ser muito interessante.

Na mesma hora comecei a ler e me apaixonei, não queria mais parar, tento que, quando cheguei em casa, comprei o livro pela internet, e quando ele chegou, li em 3 dias. Amo livros históricos com uma boa dose de romance, perigo e aventura.

Patricia Cabot na verdade é o pseudônimo da Meg Cabot. Esse é o primeiríssimo livro que li dela e já amei. Nunca li nada dela antes, acreditam? Embora queira muito mudar isso, afinal só ouvi maravilhas dessa autora. Proposta inconveniente já virou um dos meus livros favoritos e sou muito feliz em tê-lo para mim para ler sempre que eu quiser. Recomendo!

O blog em 2016

terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Oi gente! Como passaram a virada de ano novo? Espero que tudo bem! Hoje eu estou aqui para falar sobre o blog nesse ano de 2016.

Pela primeira vez em muito tempo, eu não planejei nada de diferente ou especial para o blog nesse novo ano que se inicia. Não pensei em projetos ou desafios, não estipulei metas de leituras e nem um mínimo de filmes para assistir por mês. Não farei obrigatoriamente resenhas de livros, filmes ou séries esse ano.

Mas tudo isso APENAS nesse ano de 2016.

Acontece que agora em 2016 eu estarei embarcando no meu último ano da faculdade de Rádio, TV e Internet. E o que isso significa? Significa que é o ano do meu TCC.

Significa que passarei muito nervoso, estresse, estudarei demais, farei milhares de pesquisas, viverei na correria, andarei por aí como um zumbi, passarei noites em claro cuidando de cada mínimo detalhe o ano inteiro do trabalho para que ele fique perfeito, eu apresente para os meus professores no final do ano e tire uma boa nota.

Ainda não faço ideia do que eu vou fazer exatamente (série, programa de rádio, programa de televisão, documentário, filme, quadro para programa), só sei que não vou fazer sozinha. Me juntarei com uns amigos da minha turma e nós vamos decidir juntos aquilo que mais gostamos.

E por causa de toda essa correria que viverei nesse ano, infelizmente não poderei me dedicar tanto assim ao blog e nem com qualquer outra coisa. Já estou até vendo que vou sair poucas vezes com meus amigos e passar boa parte dos meus dias reclamando do trabalhão que o TCC estará dando, hahaha. Mas estou aqui confiante de que tudo isso valha a pena no final do ano, quando eu for aprovada, então torçam por mim!

Sempre que me der vontade e eu tiver um tempinho, eu vou dar as caras aqui no blog, postando sobre qualquer coisa que me der na telha, mas infelizmente não posso prometer nada. Espero que vocês continuem aparecendo por aqui de vez em quando, para ver se tem post novo, nunca se sabe! Mas quem quiser me acompanhar mais de perto, estou sempre atualizando o Twitter.

Acho que para 2016 o meu foco, o meu principal objetivo será passar no TCC, então o que mais vier nesse meio tempo (tantos livros lidos, tantos filmes e séries assistidos, tantas outras conquistas) será lucro. Estarei como sempre documentando todos os Filmes que eu assistir esse ano, todos os Livros que eu ler e também tudo que acontecer na minha Vida, de forma geral.

Enfim, boa sorte no TCC para mim e um bom ano para todos nós! \o/

Beeeijos!

Theme Base por Erica Pires © 2013 | Livro de Memórias, por Renata Carvalho | Blog no ar desde 03.05.2013 | Versão 2.2 no ar desde 01.01.2014 | Topo