[+QP] Mas era pra gente estar junto nessa

quarta-feira, 7 de outubro de 2015
Foto: Franciele Teix

Eu sei perfeitamente bem que nem eu devia nada a você e nem você me devia nada, mas eu não vou mentir e dizer que não tinha esperanças, lá no fundo, que nós dois passássemos a dever satisfações um ao outro. De uma maneira saudável, claro.

Tenho certeza que nós dois teríamos nos ajudado muito, pois ambos estávamos precisando muito. Era só uma questão de tempo e convivência até nós confiarmos o suficiente um no outro para nos abrirmos e nos ajudarmos, nos apoiarmos. Todos temos anjos e demônios dentro de nós, é normal. Todos sentimos necessidade de compartilhar tudo isso, as alegrias e tristezas, conquistas e derrotas, com outra pessoa; e todos também temos necessidade de ouvir e comemorar ou ajudar da maneira que puder, tudo isso faz parte de uma convivência a dois.

Eu queria ter compartilhado o meu mundo com você, queria ter confiado o suficiente em você para fazer isso, queria ter tido tempo para te conhecer melhor e descobrir se você estaria de fato disposto a me ajudar ou não. Queria tanto alguém de confiança, alguém que não me julgasse, mas sim se colocasse no meu lugar para tentar entender o que digo. E eu queria que essa pessoa tivesse sido você. E vice-versa. Eu também queria que você tivesse confiado em mim o suficiente para se abrir de verdade, eu me preocupo com você, e se tem uma coisa que eu não faço de jeito nenhum é julgar as atitudes das pessoas que eu me preocupo, muito pelo contrário, eu sinto a necessidade de ajudar da maneira que puder, não importa o que seja.

Enfim, éramos para nos apoiarmos mutuamente, era para confiarmos cegamente um no outro, era para nos sentirmos tranquilos ao saber que sempre poderemos encontrar conforto um no outro sempre, não importa o que aconteça, era para a gente estar junto nessa.

Infelizmente não deu certo, não foi dessa vez que nem eu e nem você encontrou alguém em quem confiar. É uma pena, mas a vida tem dessas coisas, às vezes acontece e não há nada que nenhum de nós pode fazer para mudar isso. Insistir seria pior, por isso é melhor deixar ir. Eu não te culpo por não termos dado certo e espero que você também não me culpe. Ninguém tem culpa. Só desejo a nós dois que ambos encontremos alguém nessa vida que nos apoie e em quem confiemos, alguém que nos faça feliz para seguir junto sempre.

Renata Carvalho
(09.12.2015)

O +QP (Mais Que Palavras) é um grupo no facebook que propõe temas mensais de escrita para desenvolvermos mais nossa criatividade na hora da dissertação de textos, contos, crônicas, poesias e o que mais quisermos. É um empurrãozinho para sairmos da nossa zona de conforto e nos aventurarmos a bolar textos cada vez mais elaborados e criativos. Todo mês é selecionado um tema ou um roteiro, mediante votação, e você tem até o último dia do mês para publicar seu texto no seu blog. Para saber mais, conheça o grupo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada pela visita!
Se deixar seu blog/site junto com seu comentário, terei o maior prazer em retribuir a visita. ^^

Theme Base por Erica Pires © 2013 | Livro de Memórias, por Renata Carvalho | Blog no ar desde 03.05.2013 | Versão 2.2 no ar desde 01.01.2014 | Topo