[Rotaroots] Carta para o meu eu do futuro

quarta-feira, 29 de abril de 2015
Este post faz parte do Rotaroots, um grupo no facebook de blogueiros saudosistas que resgata a velha e verdadeira paixão por manter seus diários virtuais. São propostos memes e blogagens coletivas mensais, e você tem até o último dia do mês para publicar no seu blog. Não é obrigatório participar de todos. Para saber mais, conheça o grupo.

» Depois de 1 ano da nossa carta “para o meu eu do passado”, propomos a brincadeira ao contrário: o que nós diríamos para os nossos respectivos """"""""""eus"""""""""" daqui 10 anos?

Depois de ter escrito Uma carta para o meu eu de 10 anos atrás (que eu considero um dos meus melhores posts do blog), resolvi participar da blogagem coletiva do Rotaroots que propõe uma carta para o meu eu de 10 anos no futuro. Acho que vai ser uma desafio maior ainda, mas que topei participar. Gosto de me imaginar mais velha relendo essas linhas e percebendo o que mudou e o que permanece o mesmo.

Como hoje tenho 24 anos, minha carta vai para o meu eu de 34 anos.


Oi Rê, tudo bem?

É estranho estar te escrevendo essa carta, para uma total desconhecida, não sei bem o que dizer. Sei das coisas que eu já vivi, mas as que ainda não vivi, só posso imaginar.

Com 34 anos, eu me imagino morando sozinha num apartamento ou quitinete próprio. Ele seria decorado ao meu gosto minimalista, do jeitinho que eu gosto. Faço questão de ter um home office com as paredes ao meu redor rodeadas de estantes com meus livros favoritos. Eu também adotaria dois gatos que estivessem precisando urgente de um lar, eles se tornariam meus maiores amores.

Também espero estar trabalhando na minha área, com rádio , televisão ou Internet, aprendendo muito e sendo muito feliz. Ganhando um salário bom que me permita ter uma vida confortável. E torço para você já ter tirado sua carta de motorista e já ter perdido o medo de dirigir, além também de já estar com o carro próprio. É isso o que eu espero.

Também torço que você já tenha feito ou pelo menos tenha planos de começar a fazer mais duas graduações, uma de cinema e outra de biblioteconomia. Você continua querendo essas coisas? Já mudou os planos? São com essas coisas que eu sonho hoje, mas sei lá, você pode ter mudado de ideia, não sei.

Mas no geral, eu tento evitar ao máximo ficar pensando em coisas que eu quero ou preciso fazer até determinada idade. Não gosto de me colocar esse tipo de pressão. Gosto mais de deixar as coisas acontecerem e ver no que vai dar, mas claro, também tomando as rédeas da minha própria vida.

É assustador pensar em mim mesma com 34 anos. Na verdade, é assustador pensar em mim mesma no dia de amanhã. Mas eu só espero que tudo dê certo e eu seja feliz, de alguma forma.

Eu não te imagino nem um pouco casada e com filhos, mas também não descarto a possibilidade. Quem sabe a vida não nos surpreende? E espero que você esteja menos tímida e mais aberta a deixar as pessoas entrar na sua vida, a fazer novas amizades, a ter novos relacionamentos amorosos, a ter mais coragem de encarar a vida. Isso vai te fazer bem.

Desculpe estar colocando tantas expectativas em cima de você, não tem relação exatamente com você de 34 anos, mas sim o meu futuro, ou seja, não importa nem um pouco a idade para todas essas coisas que queremos tanto acontecer.

Ah, e espero que você continue tendo esse blog, não só com 34 anos, mas para sempre. Não desista dele nunca e não ligue se acaso as pessoas começarem a comentar que isso é coisa de adolescente. Pessoas não sabem de nada, a não ser julgar desenfreadamente. Se blogar ainda te fizer feliz, então continue.

P.S.: Eu sei que você, ao ler essa carta, vai querer se lembrar como era a minha vida aos 24 anos, então seguem umas informações:
– Moro com meus pais e irmãs no apartamento do Cecap. – Estou no 5º semestre da faculdade de Rádio, TV e Internet. – Não sei dirigir e tenho medo disso, mas vontade de aprender. – Não trabalho no momento, mas estou procurando um estágio na minha área. – Ainda sou muito tímida e tenho medo de encarar o mundo e as pessoas. – Amo de paixão ler (vou quase todos os sábados na Livraria Cultura do Conjunto Nacional). – Também amo muito assistir filmes e séries. – Tenho dois gatos, a Lylú e o Garu. – Tenho os melhores amigos do mundo: Jessyka, Mariza, Guilherme, Giorgio e Isabella.

Enfim, depois faça um post no blog contando o que mudou e o que permanece o mesmo, dos meus sonhos aos 24 anos e da minha realidade aos 34 anos.

Um beijão,

Renata

Um comentário:

  1. Adorei a carta,Renata. Espero que consigas realizar todos os seus desejos e que lá na frente você leia essa carta com sensação de satisfação :)

    Beijos!

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita!
Se deixar seu blog/site junto com seu comentário, terei o maior prazer em retribuir a visita. ^^

Theme Base por Erica Pires © 2013 | Livro de Memórias, por Renata Carvalho | Blog no ar desde 03.05.2013 | Versão 2.2 no ar desde 01.01.2014 | Topo